Calendário

os dias seguem com os assombros do agora. somos tomados pelo tempo em dimensões covardes. deixamos de viver a singularidade dos dias com os outros e estamos mergulhados na infinidade de nós mesmos. vemos, pela graça dos recursos tecnológicos, os bebês de ontem andando, a abundância dos cabelos das meninas em longas tranças, as calças curtas das crianças, o afinamento dos traços que vem com o crescimento, a incontinência dos gestos que solicitam presença. o tempo virou inimigo. não chega, não passa. parece desacatar a resolução das coisas. contamos dias infinitos de dores da alma dilacerantes. ansiamos o futuro pois o presente decidiu debochar de nós. estamos saudosos de um passado recente. fomos jogados no caos da vida. seguimos buscando o sentido do que temos enquanto a vida não nos regressa por ora.

Publicado por Ana Luisa Bittencourt

Não sou escritora, nem blogueira. Apenas escrevo, eventualmente, em verso ou prosa. Meus textos são todos autorais.

4 comentários em “Calendário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: